Radioamador    op:   Roland M. ZURMELY

Prefixos : F5BZ  e agora  F5NCB e PY4ZBZ

QTH:  Sete Lagoas  MG  Brasil      locator : GH70un

 

 

Nacionalidade : Francesa.   Naturalidade :  MUTZIG  ( Alsácia  FRANÇA ) em  21/12/1946.

Genealogia ZURMELY

Avós maternos: Karl Baumann e Bertha Shaub

Avós paternos: Antoine Zurmely e Joséphine Betsch

Pai : Robert  ZURMELY , Mãe : Heidi Baumann. Foto dos meus pais em 1943.

Esposa : Myrian.

Filhos : Christiane e Henri.  com a minha neta Giovanna. 

Netos :  Giovanna e Gabriel  (filhos de Christiane e André). Heitor (filho de Henri e Renata)

Sobrinhos de Myrian: os pentelhos João Vitor, João Pedro e Paulo Henrique.

Meus sobrinhos:   Gaëlla, filha do meu irmão Lucien;     Emmanuel e David, filhos do meu irmão Claude.

Vim para o Brasil em 1967 como perito da Cooperação Técnica Francesa, para a  CEMIG ,
onde atuei como professor de eletrônica, telecomunicações e informática industrial até 1997,
na  Escola de Formação e Aperfeiçoamento Profissional (EFAP) da CEMIG .

 Na foto seguinte de 1968, estou dando aula de eletrônica na EFAP . Click na foto para ver um video !:

Além do radio amadorismo, gosto também de astronomia e colecionar fotos, dados e miniaturas de carros Bugatti. As atividades de radio mais interessantes foram QSOs via satélites RS e Oscar 10, com equipamentos e antenas de fabricação própria e QSOs em SSTV em preto e branco (ou melhor, laranja !...), 120 linhas, varredura de 8 segundos, com equipamento caseiro com tubo de fósforo P7, que pode ser visto na foto seguite, de 1981...

 


As antenas Yagi para satélite de 2m e 70cm, vertical para 10m e Yagi 3 elementos para 20m :

Para finalizar, eu F5BZ e  minha estação em 1965 !... :

A turma da "29ieme promotion" da "École Nationale de Metiers EDF - La Pérollière", perto de Lyon, França, em 1965:

 

Orquestra dos alunos da "École Nationale de Metiers EDF - La Pérollière", em 1965, onde eu tocava trombone de pistões (estou em pé atrás da bateria):

Gravamos dois LPs de 25 cm em 1965 e 1966. A figura seguinte é da contra capa de um deles, com as dedicatórias dos meus colegas alunos e músicos:

Clicar AQUI para ouvir uma das faixas "Que c´est triste Venise" de Charles Aznavour, arranjo feito pelo maestro da nossa orchestra, Aimé Chevalier, musico da Opéra de Lyon. Nela, aos 2:30, faço um solo com o trombone de pistões !

 



Voltar para Home Page de PY4ZBZ                                  Um forte 73 !                                    rev. 25-02-2014