ANTENA COLINEAR DE CABO COAXIAL
"antena de cabo"


Por: Carlos Roberto Paoli, PY2FFZ
py2ffz@amsat.org

A antena aqui apresentada é ideal para frequências altas, já que em frequências mais baixas seu tamanho ficaria inviável, um empilhamento com 4 x 1/2 para 146 MHz terá um comprimento aproximado de 3.20 m e com ganho próximo a 6 dBi.

O ganho pode ser aumentado acrescentado um numero maior de seções de 1/2 onda:
 
Tubos em fibra de vidro são em geral encontrados na forma de vara de pescar telescópica.
-----
A
antena devera ser alojada em um tubo de fibra de vidro ou PVC para protege-la das intempéries.
-----
S
e usar PVC, procure usar os de cor branca que são mais rígidos.
Cuidado com tubos de PVC para água quente, eles tem metal na sua composição.
-----

P
ara frequências mais altas é recomendado a retirada da malha e em seu lugar usar tubo de latão com diâmetro de 3/8" e parede de 1 mm (o dielétrico do cabo deve ficar bem justo no tubo de latão), desta forma obtemos maior precisão no corte dos elementos.
  • 4 elementos: 5.7 dBi.
  • 8 elementos: 8 dBi.
  • 18 elementos: 11 dBi.
  • 21 elementos: 12 dBi.

Fonte: 73 Amateur Radio Magazine - May 1982
Mike Collis, WA6SVT
Omni Gain: A Collinear Coax Come Alive for 70 and 23 cm.

 

 


Figura 2



Figura 1
Detalhe da seções de 1/2 e 1/4 de onda



I
nicialmente corta-se um pedaço de cabo coaxial RG213 com uns 5 centímetros a mais do valor obtido na formula abaixo. O próximo passo é cortar o cabo para que ele fique como as medidas mostradas na Figura 1.

C
om as partes de 1/2 onda e a parte com 1/4 de onda prontas estanhe as extremidades como pode se ver na foto 1. Junte as partes como visto na foto 1, depois de feito isto a antena devera ter o aspecto do desenho mostrado na figura 2.


Foto 1



Fórmula:
75/fø x 0.66  = 1/4 de onda.
150/fø x 0.66 = 1/2 onda.
Onde fø = frequência de trabalho.
0.66 = fator de velocidade do cabo coaxial RG213.

Ou use o calculo on-line abaixo:    
Freqüência

MHz
Fator de velocidade do cabo

Obs.: Para cabos RG-213 e RG-58 use 0.66 e para RGC-213 e RGC-58 use 0.82
     
Comprimento da secção de 1/2 onda =

centímetros. Cortar cerca de 2.5 cm a mais para preparar as pontas.
 Comprimento da secção de 1/4 onda =

centímetros. Cortar cerca de 2.5 cm a mais para preparar as pontas.

 


A "antena de cabo" tem um custo muito baixo e o material usado na sua confecção pode ser encontrado em qualquer loja de material para  construção. Ela ainda permite outras variações na maneira de sustenta-la, fica tudo por conta da criatividade e do material disponível pelo montador.

Tenho usado este tipo de antena a muitos anos, sempre com ótimos resultados, levando-se em conta que meu QTH esta em um "buraco", aqui é muito baixo e cercado por prédios e morros.

Espero que esta pequena discrição possa ser útil para aqueles que gostam de fazer suas próprias antenas e ter o prazer de usar algo feito com seus próprios punhos.

73, Carlos - PY2FFZ.
Maço de 2006


Referencias:

[1]
ARRL Antenna Book - 13th Edition - 1974
A Collinear-Coaxial Array.

[2] 73 Amateur Radio Magazine - March 1975
Chuck Spurgeon, W5GDQ
An Honest 6 dB on 450 MHz

[3] 73 Amateur Radio Magazine - May 1982
Mike Collis, WA6SVT
Omni Gain: A Collinear Coax Come Alive for 70 and 23 cm.

[4] 73 Amateur Radio Magazine - August 1990
Mike Collis, WA6SVT
Omni Gain Vertical Collinear For VHF and UHF Coax Come Alive II.

[5] AREP Express.
Antena colinear para UHF
Fabio Poli, PY2LY.